Uncategorized

Apresentações Folkcom, dias 11 e 12 de Novembro



Gts XIII Conferência Brasileira de Folkcomunicação

dia 11 de Novembro

14h às 16h30

GT 1 – Folkcomunicação, Manifestações Urbanas e Cyberculturais

Propõe-se Estudar as Manifestações de Cultura Popular Urbanas e As formas de Folkcomunicação que ocorrem na rede mundial de computadores(internet)

GT 3 – Folkcomunicação Midiática

Análise da produção midiática que utiliza elementos da cultura popular e sua representação.

  1. Betânia Maciel, Wildna Silva do Nascimento, Kerlâne Santana da Silva, Simone Gomes, Melsilene de Albuquerque Moura, Eliana Maria de Queiroz Ramos, Jademilson Manoel da Silva – “Retrato da Gastronomia na mídia eletrônica: um olhar sobre a folkgastronomia pernambucana”.
  2. Guilherme Moreira Fernandes, Cláudia Figueiredo-Modesto, Maria Cristina Brandão – “A gastronomia de Juiz de Fora: um estudo dos veículos massivos locais e a (falta da) representação da culinária regional”.
  3. Cynthia Arantes Ferreira Luderer – “A Projeção da Cozinha Caiçara na Mídia Impressa”.
  4. Karina Janz Woitowicz – “Sabores populares na mídia: Uma análise folkcomunicacional da gastronomia no jornalismo paranaense”.
  5. Boanerges Lopes, Cássia Lara, Iara Marques do Nascimento, Raphael Silva Souza Oliveira Carvalho – “Tempos de paradoxos globais e locais: Reflexões sobre identidades, metáforas, culturas, gastronomia, volatilidade e consumo autoral”

GT 2 – Folkcomunicação, Religião e Festividades

Estudos relativos às Manifestações folclóricas, religiosas e turísticas no contexto popular.

  1. Daira Renata Martins Botelho – “Culinária caipira: Gastronomia dos Tropeiros e as iguarias das festividades na cidade de Silveiras”.
  2. Karen Oliveira Cruz, Valéria Amim – “Festa de Iemanjá: Sagrado e Profano na Construção de uma Identidade Cultural em Ilhéus”.
  3. Deise Francis Santos, Severino Alves Lucena Filho – “São Cosme e Damião: de doces à caruru no contexto folkcomunicacional”.
  4. Itamar de Jesus Sousa, Flaviny Najara Santos Ribeiro, Severino Alves de Lucena Filho – “Análise folkcomunicacionais dos discursos publicitários da festa junina de ibicuí- BA”.
  5. Camilla Ramos dos Santos – “Festa de Yemanjá: A (re) Invenção da Tradição Afrobrasileira como Atrativo Turístico no Rio Vermelho”.
  6. Anaelson Leandro de Sousa – “A reinvenção do São João na Bolívia. Notas sobre a introdução do chorizo na culinária junina pelo jornal El Deber”
  7. Maria José Oliveira – “PROVÉRBIOS E SUPERTIÇÕES: A Sabedoria Popular através dos Doces Sabores da mesa”.

Gts XIII Conferência Brasileira de Folkcomunicação

dia 12 de Novembro

14h às 16h30

GT 3 – Folkcomunicação Midiática

Análise da produção midiática que utiliza elementos da cultura popular e sua representação.

  1. Vanessa Carneiro Silva, Marcelo Pires de Oliveira – “Propagandas televisivas com a temática junina: um caso de folkmarketing”.
  2. José Cláudio Alves de Oliveira – “Democracia da informação. Uma perspectiva da folkcomunicação e da mídia clássica entre os museus dos ex-votos e salas de milagres”.
  3. Verônica Dantas Meneses – “Folclore e tradição como elementos articuladores da regionalidade na programação lozcal da TV aberta no Brasil”.

GT 4 – Folkcomunicação, Campos de Pesquisa, Teoria e Metodologia

Reflexões críticas das pesquisas em Folkcomunicação e suas relações com as demais teorias da comunicação e apontamentos sobre as metodologias de pesquisa em Folkcomunicação.

  1. Eliana Maria de Queiroz Ramos, Jademilson Manoel da Silva, Betania Maciel,“Folkgastronomia x folkmarketing: um estudo sobre o bolo Souza Leão, patrimônio imaterial de Pernambuco”.
  2. Edivasco dos Reis Carneiro, Milena de Menezes Nascimento, Severino Alves de Lucena Filho – “A Gastronomiafolk no Semiárido baiano: Experiências e Sabores do bode”.
  3. Gerson de Sousa – “A importância da memória subalterna na narrativa de velhos ao reconstruir a história do espaço urbano: contribuição teórica para a folkcomunicação”.
  4. Gleidson Wirllen Bezerra Gomes – “Folkcomunicação e mídia radical alternativa: uma reflexão sobre as teorias de Luiz Beltrão e John Downing”.
  5. Yuji Gushiken, Lawrenberg Advíncula da Silva, Adoniram Judson A. de Magalhães – “Tradição e cosmopolitismo na culinária popular em Cuiabá: uma abordagem folkcomunicacional”.
  6. Ricardo Barcelos Fagundes, Rosália Ramos Gonçalves Silva, Tacila Aparecida de Sousa, Tcharly Magalhães Briglia, Tereza Raquel Araújo da Paz – Folkcomunicação aplicada à literatura de cordel: o caso Antonio Conselheiro”.
Anúncios

Apresentações de Trabalhos SECOM – dia 10/11



Horários de Apresentação das comunicações na Secom

Sala 2203

Dia 10/11/2010 – 9:00 as 12:00

  • Anabel Mascarenhas – 9:00A auto-exposição fotográfica na Internet.
  • Icaro Gibran B. Sampaio – 9:15 – Discursividade e erotismo enquanto composição dos sexuais.
  • Felipe Magalhães – 9:30 – Análise do Painel : A saga do transporte de Lênio Braga.
  • Laiz Dias – 9:45 – Tudo que é sólido pode derreter.
  • Marcos Vicente Carvalho Santos C. – 10:00 – Comunicação e violência: A criminalidade retratada nas páginas policiais no Sul da Bahia.
  • Charles dos Reis Alves 10:15 – Cultura , turismo, comunicação e pós-modernidade.
  • Edson Bastos -10:30 – O VJ e a Imagem na Contemporaneidade.

Redução de valores de taxas de inscrição

As taxas para estudantes de outras universidades, pesquisadores e sócios da Rede Folkcom tiveram seus valores diminuidos


Atenção

A Oficina “INTRODUÇÃO ÀS TÉCNICAS DO TEATRO DO OPRIMIDO” a ser ministrada pelo Professor Anderson Zotesso Rodrigues acontecerá no dia 09 de Novembro

Verifiquem a Programação Completa


VIII Semana de Comunicação da UESC

A VIII Semana de Comunicação Social da UESC traz como temática central “Comunicação e Arte: diálogos contemporâneos”. Para tanto, irá integrar sua programação ao IV Encontro do Grupo de Pesquisa Comunicação e Cultura: Barroco e Mestiçagem – PUC/SP e a XIII CONFERÊNCIA BRASILEIRA DE FOLKCOMUNICAÇÃO.
O objetivo é promover um intenso contato dos alunos de Comunicação Social com as diversas esferas da Arte e da Cultura no contexto contemporâneo. Distintos profissionais e pesquisadores abordarão temáticas latentes a estes universos e suas interfaces com a comunicação, suscitando novas bases para colaborações entre os domínios e colocando em evidência as possibilidades de compartilhar estratégias e práticas. O diálogo entre Arte, Cultura e Comunicação pretende elucidar como as práticas artístico-culturais contemporâneas, tanto nos seus processos de apropriação quanto nos seus processos criativos, podem contribuir ao saber e ao saber-fazer comunicacional.


XIII Folkcom – De 10 a 13 de Novembro de 2010 – Ilhéus/BA

A Rede Folkcom – Rede de Estudos e Pesquisas em Folkcomunicação foi oficializada como uma organização não governamental para o desenvolvimento de atividades ligadas à Folkcomunicação.

A Rede realiza anualmente uma Conferência Internacional que reúne centenas de participantes. Além disso, a Rede promove seminários regionais, e atividades de pesquisa em diversas universidades do País. A Conferência tem por objetivo promover a discussão e o debate sobre as pesquisas no campo da Folkcomunicação no Brasil e no mundo.

O tema da XIII Conferência Brasileira de Folkcomunicação é a Folkcomunicação Gastronômica, que pretende analisar os processos comunicacionais existentes na culinária regional e também perceber como a mídia retrata, representa e apresenta a culinária regional.